Para Que Serve a Creatina – Ganho de Músculos?

A preocupação com o corpo, a aparência e a boa forma é uma máxima presente tanto no universo masculino quanto feminino. Para alcançar os bíceps, tríceps e pernas torneados e desejados, muitos são os recursos utilizados: treinos de musculação, consumo de suplementos, entre outros.

Dentre os suplementos alimentares mais comercializados e consumidos entre os atletas da musculação, a Creatina é – sem sobra de dúvidas – o suplemento mais popular.

Mas afinal, para que serve a Creatina? Visando sanar todas as dúvidas sobre o suplemento, selecionamos informações completas neste artigo. Entenda como consumi-la, quem pode consumi-la e quais são os seus principais efeitos, a curto e longo prazo.

creatina monohidratada

Para Que Serve a Creatina?

A Creatina é um aminoácido, responsável pelo aumento dos níveis de energia do organismo. Portanto, quando consumida em níveis elevados aumenta não somente a energia, mas também a força, a vontade de treinar, o nível de massa muscular e a redução da fadiga.

Por ser um complemento natural, já que é produzido pelo próprio organismo quando estimulado principalmente pelo consumo de carnes, a Creatina não deve ser comparada com os anabolizantes (as famosas “bombas”). Diferente deste suplemento, a Creatina é indicada para todas as pessoas, independente de sexo ou idade, que desejam aumentar a massa muscular e adquirir mais energia, principalmente durante os treinos.

De acordo com estudos realizados por especialistas, o consumo correto da Creatina não traz sérios efeitos colaterais ao organismo. Porém, um pequeno grupo de atletas manifestou sintomas reacionários, devido à má utilização do complemento: disfunções renais e leves desidratações foram alguns dos sintomas notados. Vale salientar que a Creatina não possui contraindicações, mas deve ser utilizada de maneira correta.

como tomar creatina, medida certa

Como Tomar Creatina?

Especialistas médicos recomendam que seja ingerida uma dose diária de Creatina, entre 3 e 5gr, de preferência após os treinos. Porém, existem algumas outras dosagens permitidas, as quais se adaptam de maneira diferenciada, em cada organismo.

É possível consumir 1/3 da dose de creatina antes do treino e 2/3 da dose de creatina após o treino; ou ainda a dose inteira da creatina logo após acordar. Para que o suplemente traga um efeito satisfatório, é essencial que seja consumido aliado à carboidratos com altos índices glicêmicos, tais como macarrão e pães.

+ Leia: Como Tomar Creatina?

creatina qual a melhor

Qual a Melhor Creatina?

É comum os iniciantes ficarem em dúvidas sobre qual a melhor marca de Creatina. É interessante dizer que ambos os mercados – tanto nacionais quanto internacionais – disponibilizam Creatinas de excelente qualidade.
A Creatina mais conhecida e consumida no mundo é a Universal. Já à nível nacional, as Creatinas da Probiótica e da Nutrilatina são as mais populares.

Antes de iniciar o consumo da Creatina, é imprescindível consultar um médico especialista. Além de informar sobre as dosagens ideais para o seu organismo, será possível acompanhar, de perto, a eficácia do suplemento!



Faça um Comentário